Artigos? Envie para o email marcelopassossenador@gmail.com

Pesquisa Web

terça-feira, 27 de abril de 2010

Entrevista do governador Antonio Anastasia em Juruaia






Evento: Felinju

Local: Juruaia (MG)

Data: 27/04/2010

Assuntos: Felinju, Investimentos em Juruaia, Eleições 2010, liberação de verbas para Poços de Caldas

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Ciro aposta em Serra e diz que tucano é mais preparado

Após ter a sua candidatura à Presidência da República negada pelo próprio partido, o deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) disparou hoje contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a pré-candidata do PT, Dilma Rousseff, e o PMDB, principal partido aliado do governo. O deputado disse que Lula "está navegando na maionese" e ainda previu uma vitória do pré-candidato do PSDB, José Serra, nas eleições. Para Ciro, o tucano "é mais preparado, mais legítimo, mais capaz" do que a pré-candidata petista.






O deputado previu uma vitória do ex-governador de São Paulo José Serra, seu desafeto histórico, nas eleições deste ano. "Minha sensação agora é que o Serra vai ganhar esta eleição. Dilma é melhor do que o Serra como pessoa. Mas o Serra é mais preparado, mais legítimo, mais capaz. Mais capaz inclusive de trair o conservadorismo e enfrentar a crise que conheceremos em um ou dois anos", afirmou.

"Em 2011 ou 2012, o Brasil vai enfrentar uma crise fiscal, uma crise cambial. Como estamos numa fase econômica e aparentemente boa, a discussão fica escondida. Mas precisa ser feita." Segundo o deputado, Dilma tem menos chance de enfrentar o problema do jeito que ele precisa ser enfrentado. "Como o PT, apoiado pelo PMDB, vai conseguir enfrentar esta crise? Dilma não aguenta. Serra tem mais chances de conseguir", observou.




"Lula está navegando na maionese. Ele está se sentindo o Todo-Poderoso e acha que vai batizar Dilma presidente da República. Pior, ninguém chega para ele e diz: 'Presidente, tenha calma'. No primeiro mandato eu cumpria esse papel de conselheiro, a Dilma, que é uma pessoa valorosa, fazia isso, o Márcio Thomaz Bastos fazia isso. Agora ninguém faz", disse Ciro, em entrevista concedida ao site IG.

O deputado assumiu pela primeira vez que não deve ser candidato à Presidência e, oficialmente, aguardará a decisão da Executiva do partido, marcada para terça-feira da semana que vem.


quinta-feira, 15 de abril de 2010

"Chico Xavier" segue em primeiro lugar nas bilheterias brasileiras

12/04/2010 - 16h48 - Uol Cinema:

http://cinema.uol.com.br/ultnot/2010/04/12/chico-xavier-segue-em-primeiro-lugar-nas-bilheterias-brasileiras.jhtm





O filme "Chico Xavier", de Daniel Filho, levou mais de 1,3 milhão de pessoas aos cinemas em dez dias de exibição e permanece em primeiro lugar no ranking das bilheterias brasileiras, à frente da animação "Como Treinar Seu Dragão".

A cinebiografia do médium arrecadou mais de R$ 13 milhões e, com isso, o número inicial de 340 cópias em circulação será mantido pelo consórcio formado entre Downtown Filmes e Sony Pictures.

[Os números finais do fim de semana, segundo a Doentown, são: 1.390.331 ingressos vendidos e R$ 13.225.274 de renda.]

O filme bateu o recorde de maior abertura de uma produção nacional nos últimos 20 anos,

ultrapassando o "Se Eu Fosse Você 2", do mesmo diretor.

No fim de semana de estréia, 586 mil pessoas foram aos cinemas.

"Chico Xavier" estreou dia 2 de abril, centenário de nascimento do médium.

As primeiras sessões oficiais do filme foram em Uberaba, cidade que Chico escolheu para viver, e Pedro Leopoldo, sua cidade natal.

O filme também teve pré-estréia em Paulínia, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Fortaleza.

Com orçamento de R$ 12 milhões, "Chico Xavier" tem Nelson Xavier, Ângelo Antônio e Matheus Costa interpretando o médium nas três fases da vida – maduro, adulto e criança. E mais uma série de nomes consagrados no elenco, como Tony Ramos, Christiane Torloni, Leticia Sabatella e Giulia Gam.

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Judicialização da Saúde é tema de Congresso Mineiro de Direito



O 1° Congresso Mineiro de Direito da Saúde e 3° Seminário de Judicialização da Saúde, com o tema “Interesses individuais, necessidades coletivas: o desafio de promover saúde de qualidade para todos” acontece, desta quarta-feira (14) até sexta-feira (16).


O objetivo do congresso é discutir a relação entre os direitos constitucionais do SUS, sua real aplicação, a assistência de qualidade, o financiamento do sistema, a jurisprudência e as inovações tecnológicas.


O congresso será uma oportunidade para reflexão e debate em torno das políticas públicas de saúde e sua interpretação pelos tribunais brasileiros. Em 2010, a Lei Orgânica da Saúde completa 20 anos.


A organização e promoção do congresso é uma parceria entre Secretaria de Estado de Saúde, Ministério Público do Estado de Minas Gerais, (TJMG), Escola Judicial, Escola de Saúde Pública do Estado de Minas Gerais (ESP/MG) e Unimed-BH.

O tema oncologia servirá como eixo para os conferencistas convidados, em razão de ser objeto de numerosas ações judiciais. No congresso terão destaque a incorporação de novas tecnologias, a medicina baseada em evidências e a distribuição de competências entre os entes federativos, entre outros.


Estarão presentes o secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza, a diretora geral da ESP/MG, Tammy Claret Monteiro; o presidente do TJMG, desembargador Sérgio Antônio de Resende; o procurador-geral de Justiça do Estado de Minas Gerais, Alceu José Torres Marques; o 2º vice-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais e superintendente da Escola Judicial, Desembargador Edésio Fernandes, desembargador Joaquim Herculano Rodrigues; o advogado-geral do Estado de Minas Gerais, Marco Antônio Rebelo Romanelli; o diretor-presidente da Unimed BH, Helton Freitas.





Serviço:

Evento: 1° Congresso Mineiro de Direito da Saúde e 3° Seminário de Judicialização da Saúde

Data: 14/04/2010

Horário: 19 horas

Local: Auditório do TJMG – Anexo 1

Endereço: Rua Goiás, nº 229, Centro, Belo Horizonte



quinta-feira, 8 de abril de 2010

BH tem 8.091 casos de dengue confirmados em 2010

Um novo balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte nesta quinta-feira (8) revelou um novo aumento nos casos de dengue na capital. Segundo a secretaria, já são 8.091 casos confirmados em toda Cidade.





Outros 7.739 casos aguardam a confirmação de exames. Ainda de acordo com a secretaria, a região da cidade em que há mais ocorrências continua sendo a de Venda Nova, com 1.417 casos confirmados. A região Noroeste da capital aparece como a segunda com o maior número de ocorrências de casos: já são 1.065.


Segundo o novo levantamento, foram confirmados mais cinco casos de dengue com complicações em BH, totalizando 35, e dois casos de febre hemorrágica de dengue, no total de 12 casos.