Artigos? Envie para o email marcelopassossenador@gmail.com

Pesquisa Web

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Seminário discute os Objetivos do Milênio e apresenta experiências de Minas


Discutir o andamento da implantação dos Objetivos do Milênio no Estado e apresentar os resultados nacionais. Este é o objetivo do III Ciclo de Seminários Estaduais dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, que será realizado em Belo Horizonte no próximo dia 26 de maio, a partir de 8h. O evento reunirá representantes dos governos municipais, estaduais e federal, organizações da sociedade civil, setor privado, fundações, conselhos setoriais e universidades.



O encontro é uma promoção da Secretaria-Geral da Presidência da República, Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese) e Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade e Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). O evento será realizado no Centro de Educação Corporativa dos Correios, na rua Isabel Bueno, nº 442, bairro Jaraguá, Belo Horizonte.


Realizado nos 26 estados e no Distrito Federal, o ciclo de seminários visa divulgar e debater com a sociedade civil e os poderes públicos o 4º Relatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, pesquisa realizada pelo Ipea que descreve as principais ações e iniciativas do governo federal, estados e municípios para cumprir as metas estabelecidas nos Objetivos do Milênio (ODM). Além disso, os seminários buscam fortalecer a participação da sociedade civil no alcance das metas; ampliar a rede de parceiros dos entes federados e demonstrar as possibilidades dos ODM na implementação das políticas públicas.




Objetivos de Desenvolvimento do Milênio


Os objetivos do milênio foram definidos durante reunião da Cúpula do Milênio, realizada em Nova Iorque, em 2000, quando líderes de 191 nações oficializaram um pacto para tornar o mundo mais solidário e mais justo até 2015. O sucesso deste compromisso será possível pela adoção de oito iniciativas, conhecidas como Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. São elas: erradicar a extrema pobreza e a fome; educação básica de qualidade para todos; promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres; reduzir a mortalidade infantil; melhorar a saúde das gestantes; combater o HIV/Aids, a malária e outras doenças; garantir a sustentabilidade ambiental e estabelecer parcerias para o desenvolvimento.



O evento conta com o apoio da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), Associação Municipal de Assistência Social (Amas), Correios, Universidade Fumec, Sistema Sesi/Fiemg, Prefeitura de Belo Horizonte e Unimed BH.


A programação completa está disponível no site:

http://www.amas.org.br/hotsite_odm/odm2010.html

As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas pelo site: www.amas.org.br




quarta-feira, 19 de maio de 2010

Hélio Costa e a arte de desagradar a muita gente






Para bajular o PT e ver se eles engolem a sua candidatura ao Palácio da Liberdade, o pré-candidato Hélio Costa (PMDB-MG) resolveu bater nas administrações de Aécio Neves e Antonio Anastasia e criticou o Choque de Gestão, de acordo com reportagens divulgadas na rádio CBN e no jornal Hoje em Dia.Passados três dias, tudo que Hélio Costa conseguiu fazer foi desagradar a muita gente de uma só vez.




Senão, vejamos.1. Hélio Costa desagradou a muitos prefeitos do próprio partido dele e até mesmo do PT. São aqueles prefeitos que sempre estiveram ao lado de Aécio e Anastasia, não apenas por identidade com os avanços das suas gestões, mas também pela maneira republicana de administrar os recursos do Estado, sem prejudicar qualquer município pela escolha de um prefeito de um partido diferente.




2. Hélio Costa desagradou aos simpatizantes do PMDB, que votam em Aécio e avaliam a hipótese de votar em Hélio para governador. Se ele forçar esse eleitores a escolher, é possível que saia perdendo.




3. Hélio Costa desagradou aos apoiadores de Itamar Franco, aliado histórico de Aécio Neves. Os ataques de Hélio Costa foram feitos com base em críticas do economista Fabrício Oliveira, secretário-adjunto da Fazenda de Itamar e um dos responsáveis pela política da moratória da dívida de Minas. Ou seja, usou um colaborador de Itamar para falar mal de Aécio.




4. Hélio Costa desagradou à imensa maioria do eleitorado mineiro, que dá ao Governo Aécio Neves recordes de aprovação popular.Em resumo, a estréia de Hélio Costa como oposicionista em Minas foi desastrada. Ele teria se saído melhor se trilhasse o que o petista Fernando Pimentel já apontou, isto é, ocupar um lugar como “pós-Aécio” e não “anti-Aécio”. Ninguém é “anti” alguém que tem 90% de aprovação popular. Vide o caso de José Serra, que percebeu isso muito bem, no plano nacional.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Espaço Minas Gerais lança programação especial em maio dedicada a Belo Horizonte



Como parte da estratégia de estimular o turismo, a cultura e o desenvolvimento econômico em Minas, o Espaço Minas Gerais, em São Paulo (SP), promoveu nesta segunda-feira (10) um encontro entre representantes do Governo de Minas, parceiros institucionais, organizadores de eventos e empresários para lançar o evento “Belo Horizonte Vem Até Você”, iniciativa que promove a capital mineira como destino de Turismo de Negócios e Eventos. Durante o mês serão realizadas exposições de arte, moda e gastronomia, mostras de cinema e encontros de negócios. Toda a programação artística e cultural é aberta ao público e gratuita.



A abertura foi marcada pelo lançamento do “Calendário de Feiras e Exposições Industriais, Comerciais e de Serviços de Minas Gerais 2010”, elaborado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Sede-MG). Durante o encontro, a subsecretária de Indústria, Comércio e Serviços da Sede-MG, Marilena Chaves, destacou o crescimento do setor de eventos nos últimos anos e a importância da profissionalização da atividade no Estado. “O Turismo de Negócios e Eventos tem grande importância e movimenta a economia mineira. Mais importante do que isso, é o processo de crescimento de toda a cadeia produtiva. O lançamento deste calendário neste evento é bastante oportuno e permite a divulgação da potencialidade mineira para o Turismo de Negócios”, afirmou.




De acordo com Ana Paula de Azevedo, diretora de Promoção Turística da Belotur, este encontro permite apresentar Belo Horizonte como uma cidade que possui bons atrativos ao turista de negócios: “Vamos apresentar em São Paulo a diversidade de Belo Horizonte em diferentes áreas, como a gastronomia, cultura, lazer, eventos e arte”, explicou.



O evento “Belo Horizonte Vem Até Você” é uma realização da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, em conjunto com o BHC&VB, contando ainda com o apoio do Governo de Minas, Instituto Euvaldo Lodi (IEL) / Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) e do BID - Banco Interamericano de Desenvolvimento.



A iniciativa faz parte das ações desenvolvidas pelo Governo de Minas para fomentar a atividade turística em todo o Estado. O objetivo é atrair um número ainda maior de turistas e colocar Minas Gerais em posição de destaque no cenário turístico e econômico do país.



Produtores Mineiros



Durante o evento, importantes promotores de eventos estiveram presentes para fomentar e ampliar a rede de contatos na capital paulista. É o caso do promotor Carlos Henrique de Faria Vasconcelos, diretor da Central de Eventos e Promoções.



“Os fabricantes de equipamentos vêm descobrindo características muito particulares do mercado mineiro, que possui forte potencial e gosta de receber em casa seus parceiros”, revelou.



O executivo de negócios da Amis, Marcelo Santos, explica que a divulgação das potencialidades mineiras para o segmento do Turismo de Negócios também colabora para a promoção de eventos já consolidados, como a Convenção Mineira de Supermercados (Superminas), promovida pela Associação de Supermercado de Minas (Amis). “Em 2010, teremos um espaço dedicado exclusivamente para fabricantes e promotores de produtos importados. É crescente a busca por produtos para o supermercado gourmet, voltados para o food show”, concluiu.



Até o final do mês de maio, o Espaço Minas Gerais permanece com mostras da gastronomia mineira, cinema, arte, exposições e manifestações culturais. Confira abaixo a programação do mês: